La page est en train de chargement

A venda de créditos: do que se trata e qual o seu benefício?

Blog | Diversos

A venda de créditos se apresenta como uma alternativa ao factoring e permite a venda das facturas ainda não pagas à um terceiro. Em que consiste especificamente essa prática, como é gerada e quem pode beneficiar dela? Nossas explicações e conselhos.

Definição e funcionamento

A venda de créditos pode também ser definida como a venda de uma obrigação de dívida. Esta obrigação pode ser explicada como um direito de quem pode exigir a prestação da parte de um devedor. Quando uma empresa vende um bem ou um serviço a um cliente, a obrigação de dívida representa a factura emitida, ou o direito que a empresa tem de reclamar ao cliente devedor o pagamento pelo bem ou serviço fornecido.

A venda de crédito consiste então na venda desta obrigação de dívida a um terceiro. Este último pode ser por exemplo uma sociedade de factoring, uma instituição financeira ou até mesmo um privado. A venda de crédito se faz normalmente a um preço inferior à soma das facturas, mas permite recuperar a liquidez sem espera. Em seguida, o comprador da obrigação de dívida se torna o proprietário da mesma e assume o risco da falta de pagamento.

A quem se dirige esta solução?

A venda de créditos pode se dirigir tanto aos independentes quanto as PME. Essa técnica visa toda e qualquer empresa que deseja trocar rapidamente um conjunto de facturas não pagas por uma quantia em dinheiro. As razões são várias:

  • Uma necessidade urgente de liquidez
  • A necessidade de realizar um benefício a curtíssimo prazo, para apresentar, por exemplo, uma balança positiva para a empresa
  • A vontade de delegar a um terceiro a gestão de facturas problemáticas
  • A vontade de se desencarregar do risco de falta de pagamento

O devedor deve ser advertido?

A cessão de créditos é regida pelos artículos 164 e seguintes do código das obrigações suíças (CO). Em particular, deve-se reter:

  • Que o credor (por exemplo a empresa que vendeu um bem ou serviço) pode vender ou ceder sua dívida a um terceiro sem consultar o devedor (por exemplo o cliente que ainda não pagou sua factura).
  • Quando da cessão ou de uma venda, porém, o credor deve adverter o devedor.

Ou seja, uma empresa pode livremente vender suas facturas a um terceiro, mas deve prevenir os devedores sobre a transação.

Venda de créditos ou cobrança de dívida?

É importante distinguir a cessão de créditos a um terceiro de um serviço de cobrança. Contratar um terceiro para a cobrança consiste na delegação da atividade de cobrança de contas vencidas. Essa gestão pode incluir:

  • A verificação de pagamento dos clientes
  • O envio de advertências
  • A gestão da cobrança e dos procedimentos penais

A sociedade de cobrança é paga em seguida pelo serviço prestado mas a empresa contratante segue sendo a proprietária da obrigação de dívida (crédito).

A quem vender seus créditos?

Existem na Suíça muitas sociedades financeiras que propõem a compra de créditos às PME e independentes. No entanto, as condições propostas podem variar considerávelmente. Fazer visita a um especialista permite que você encontre a solução mais convêniente à sua situação, ou para que você encontre alternativas. Afinal, contra a falta de pagamento, a venda de crédito é apenas uma solução entre várias outras. O factoring ou o financiamento de facturas podem ser boas soluções ao seu caso, utilizando a intermediação de um factor, por exemplo. Fazer a boa decisão é crucial para a liquidez e o bom funcionamento da sua sociedade.

Artigo redigido pela equipe da Multicrédit.